Preços futuros do petróleo caem com alta nos estoques dos EUA e desaceleração global

    Porto Alegre, 02 de outubro de 2019 – Os preços dos contratos futuros de petróleo fecharam em campo negativo após aumento nos estoques

norte-americanos aliado à desaceleração da economia global.

    Mais cedo, foram divulgados os dados sobre os estoques de petróleo dos Estados Unidos. O relatório do Energy Information Administration (EIA) mostrou uma alta de 3,1 milhões no inventário, o que aumenta a oferta da commodity.

   Isso, junto da recuperação da produção da Arábia Saudita ao seu nível pré-ataques de drones, acaba fazendo a commodity perder os avanços no preço de meados de setembro, quando os atentados ocorreram.

    Embora a oferta seja alta, a demanda para o petróleo pode estar diminuindo depois de Estados Unidos, China e Zona do Euro divulgarem números que comprovam desaceleração industrial em seus territórios.

   “A quantidade de petróleo nos inventários dos Estados Unidos não está

se encaixando com o cenário da economia mundial, já que a indústria de todos os países parece estar desacelerando”, afirmou o analista da Price Group, Phil Flynn.

   O preço do contrato do petróleo WTI negociado na Nymex e com entrega para novembro caiu 1,93%, cotado a US$ 52,58 o barril. Já o preço do contrato do Brent negociado na plataforma ICE com entrega para dezembro encerrou em baixa de 2,30%, cotado a US$ 57,53 o barril.

    As informações partem da Agência CMA.

Revisão: Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2019 – Grupo CMA